sábado, 2 de maio de 2015

A doce e difícil tarefa de Ser Mãe!!!

Quando a mulher descobre que está a espera de um bebê ela vive uma alegria imensurável!!! Transbordamos amor, expectativas e alegrias na espera desse novo membro da família que trará muitas alegrias!!!

No entanto, o depois, não são só coraçõezinhos como mostram os comerciais de margarina... Criar e educar um filho é sim, muito difícil, mas é uma tarefa muito prazerosa, pois envolve o sentimento mais puro e gostoso, o Amor!!!

Se eu pudesse dar alguns conselhos "prazamigas" grávidas e futuras mamães eu daria alguns que considero importantes de serem pensados antes, junto com toda a preparação do enxoval, por que depois você não terá tanto tempo pra isso....

Invista e algum curso de culinária: Sim!!! Se você gosta e sabe um pouco de cozinha, ÓTIMO, se não sabe faça sim um cursinho amiga, depois que o bebê iniciar a introdução alimentar, você precisará ter milhares de idéias de como preparar pratos saudáveis, saborosos e atraentes, senão ele não vai comer!!! E mesmo assim, as vezes ele não vai comer!!!

Busque inspirações: Sabe aquelas musiquinhas que cantávamos na escola? As brincadeiras com latas, caixas e etc? Relembre tudo isso!!! Crianças tem MUITA ENERGIA!!!! E tem dias que todas as situações possíveis de entreter uma criança se esgotam rapidamente!!! Tenha sempre uma carta na manga...

Aprenda a conviver com a culpa: Independente de qualquer atitude, sempre vamos sentir uma ponta de culpa... Culpa por trabalhar fora e deixar o bebê com a babá ou na escolinha, culpa de fazer o contrario, culpa por ele não comer....

Faça um exame de coração detalhado: Serão muitas emoções e preocupações que farão seu coração querer sair pela boca, literalmente, todos os dias!!

Brincadeiras a parte, ser mãe exige muito de nós, muito mais do que imaginamos, tanto emocionalmente como fisicamente, quando estamos gravidas só queremos logo ter aquele bebezinho no colo, pra encher de amor e carinho, mas os dias passam e as preocupações aumentam a cada dia.... o choro de cólica, as noites sem dormir, os resfriados, o primeiro tombo e por ai vai....

Ser mãe não vem com manual de instruções, mas temos algo muito maior, o nosso amor pra cuidar e educar essa criança, já ouviu falar em instinto materno? Se você já é mãe conhece, se ainda não, logo saberá o que é... e assim vamos indo, errando tentando fazer o certo e o melhor!!

Sim, nós erramos, mas é assim que vamos nos tornar melhores amanhã!!

Mas a principal dica é, CURTA muito cada momento, eles crescem muito rápido e logo os bebezinhos serão crianças, as crianças adolescentes....

Arquivo pessoal
Bjo e até mais.... :)

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Mamãe na Cozinha

Nuggets de Frango Caseiro


Olá mamães de plantão!!

Não sabe o que mandar na lancheira de seu filho? Aqui vai uma dica super saborosa e prática: Nuggets de Frango Caseiro. Você pode fazer e congelar a assar quando for mandar de lanche para seu filho.


Imagem Internet

Vamos aos ingredientes
  • 2 filés de peito de frango
  • 1 dente de alho ralado
  • 1 ramo de salsinha picada
  • 1 limão (suco)
  • 1 copo (180g) de iogurte integral natural
  • 100g de quinua em flocos
  • Sal a gosto
  • Azeite para untar e regar

Modo de preparo

Pique e triture o frango até virar uma massa homogênea. Tempere com alho, limão, salsinha e o sal. Reserve por 10 minutos. Coloque o iogurte em um prato e, no outro, a quinua com uma pitada de sal. Preaqueça o forno a 250ºC e unte uma assadeira com azeite. Molde os nuggets com pequenas porções da massa de frango. Passe no iogurte e depois na quinua. Distribua-os na assadeira. Regue tudo com um fio de azeite e leve ao forno até dourar.


DICA: Você pode substituir a quinua por aveia em flocos.

Bom apetite :))



quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Será que chegou a hora de cortar o cordão?

O assunto de hoje está me deixando ansiosa por dois motivos, não sei se devo fazer agora ou se será melhor e mais fácil fazer agora!!! E como escrever me acalma, cá estou para desabafar....



Achei que esse dia demoraria mais para chegar... mas acho que chegou!!! Ir para a escolinha!! Cortar, um pouco, o cordão emocional!!

Eu cuido do Conrado desde que ele nasceu, 24 horas por dia, sim a gente não descansa nem quando dorme, e essa rotina é exaustiva sim!

Ele é uma criança maravilhosa, não me incomoda, é super tranquilo, brinca e passa o dia correndo de um lado para o outro kkkkk, só reclama quando está com sono ou fome e quando quer sair passear. Então por que ir para a escolinha??

Quando eu decidi ser mãe eu não optei por parar a minha vida!! Eu quis ser mãe, mas quero também seguir com meus estudos e trabalho. E hoje, com essa dedicação que eu disponho a ele, não sobra tempo pra mim... E eu sinto falta sim!

Sinto falta de ter meus minutos de distração, de poder ir ali sem me preocupar com quem ele vai ficar esse tempo... Me julguem se quiserem, eu sou mãe, mas também sou mulher, sou humana e preciso disso!! Não é egoísmo meu, afinal para eu ser uma boa mãe eu preciso estar bem comigo mesma!!

Eu tenho família aqui, todos perto de mim e que me ajudam quando preciso, mas não posso depender sempre da boa vontade e disponibilidade de alguém quando eu precisar.

Então ai surgiu a dúvida, babá ou escolinha?

Sempre eu e meu marido preferimos a escolinha, por que lá ele vai conviver com outras crianças da idade dele, vai brincar, gastar toda a energia (que por sinal ele tem de sobra) e vai aprender a conviver em grupo, ter disciplina e a seguir regras. Com uma babá ele estaria no conforto de casa, mas faltaria todos os outros itens que já citei.... E ele vai ficar apenas um turno.

Não tenho dúvidas que ele vai se sair super bem, já pude perceber isso em algumas visitas, ele me soltou e foi desbravar, com muita curiosidade, característica de sua idade, já interagiu com outras crianças e nem sequer lembrou que eu estava ali. Mas tenho dúvidas quanto a minha adaptação, será que vou conseguir? Por que não, tantas outras mães precisam deixar seus bebês ainda com meses lá... E será bom pra mim... pra minha saúde mental voltar a ativa heheheh... será bom pra ele e pra minha família.

Mas ai vem a culpa... Ser mãe é assim sempre será? Sentir culpa por tudo? Mesmo sabendo que vai ser bom pra ele, eu sinto, fazer o que?!!

Ainda não escolhemos a escola, mas já busquei referências com outros pais que frequentam as escolas e isso já está me ajudando muito.

Enfim... No final tenho certeza que sairemos todos bem!!


Hidratar!! Muito...

Olá

Estamos vivendo um verão muito quente, a cada ano as temperaturas parecem se elevar cada vez mais e para nos mantermos "em pé" é necessário estar bem hidratado.

Quando os termômetros sobem a temperatura do nosso corpo também se eleva e com isso perdemos mais líquidos, o suor é uma forma de perda de líquidos, e também de sais minerais, indispensáveis para a manutenção da nossa saúde. Nas crianças as perdas são maiores pois eles tem o metabolismo mais acelerado.

A água é muito importante para o bom funcionamento do nosso organismo, ela está envolvida em praticamente todos os processos, respiratório, renal, circulatório e por ai vai....

Por isso, para repor todo esse líquido perdido o ideal é criar o hábito de estar sempre ingerindo água mesmo quando não está com sede, tenha uma garrafinha sempre por perto.

Abuse dos líquidos, água de coco, sucos e chás também ajudam na hidratação.

Mas lembre-se....NADA substitui a água.


Hidrate-se e aproveite o verão com saúde!!!

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Natal

E estamos novamente no Natal...

Época do ano que mais gosto, ela me remete a infância, de como eram as festas de Natal anos atras...

Sempre na minha família o natal foi comemorado com seu verdadeiro significado, comemoramos o nascimento de Jesus!!

Lembro como se fosse ontem toda a preparação...

A montagem do pinheirinho era pra mim o início das festividades, como me sentia feliz fazendo isso, bolinhas, pinheiros de verdade, presépio.... Minha  avó passava as tardes fazendo bolacha, minha mãe arrumando a casa....

Peças, música e comemoração...Dia 24 antes de nos reunirmos na casa da minha avó para a Ceia íamos todos à Igreja para o Culto de Natal... Eu sempre participei...Fui até o Menino Jesus com 3 meses de vida :)) passava o mês inteiro decorando versinhos, indo aos ensaios e vivendo a expectativa deste dia...

Depois nos reuníamos todos na casa da minha avó, minha família era muito grande, com muitas crianças de idades parecidas, por cima umas 10 heheheh... ficávamos na rua esperando o Papai Noel (que anos depois a gente descobriu que eram nossos tios, cada ano um deles se vestia de Noel) chegar e quando ele chegava... corria para o colo do meu pai de medo....

Como o tempo passa... essas lembranças estão tão vivas em mim que posso vê-las ao fechar os olhos....

Hoje não podemos mais nos reunirmos todos, afinal, cada um seguiu um rumo, seguiu seu curso, alguns muito especiais não estão mais entre nós...

Sinto tanta falta disso que se eu pudesse pedia ao Papai Noel para voltar no tempo e reviver um desses Natais....

Depois que meu pai se foi, que virei gente grande, essa euforia para as festas diminuiu muito... uma festa não tem sentido se alguns convidados não estarão presentes...quando a gente "cresce" essa magia se perde... E a festa passa a ser somente um momento de confraternização e trocas de presentes...

Mas nesse Natal a emoção voltou, agora tenho uma criança comigo para me fazer viver toda essa magia novamente... Quero que ele sinta tudo o que eu sentia... quero que ele acredite em Papai Noel até quando puder... Quero que ele entenda que o principal motivo dessa comemoração é Jesus Cristo... Quero que ele acorde no dia de natal e vá procurar seu presente embaixo da árvore...
Quero que ele entenda que o maior presente desse dia são aquelas pessoas que estão presentes conosco!!

Que a magia do natal se acenda em todos os corações!!!
Feliz natal para todos!! Não esqueçam do nascimento de Jesus!!!

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Vacinas

Dia de vacina!!! Dia de nervoso na mamãe!!!


Imagem Internet

Eu sofro por antecipação sim, sofro porque sei que o Conrado vai chorar muito, vai me olhar com aquela carinha "mamãe o que eu fiz de errado pra me picarem? me tira daqui", mas eu não posso fazer nada. Depois de vacinado tudo passa e ele sai de lá todo feliz!!!


Apesar disso tudo, eu quero falar hoje que as vacinas são MUITO importantes para a saúde de nossos filhos. O calendário de vacinação brasileiro prevê vacinas todo o mês até 1 ano de idade, com 15 meses e depois com 4 anos, além das campanhas de reforço anuais.

Pra vocês terem uma idéia da importância o bebê já sai do hospital vacinado!! Sim, elas são fundamentais para o desenvolvimento do bebê, em um post anterior (a importância das vacinas) você pode saber um pouquinho sobre cada uma.


Então mamães, saibam, as vacinas são necessárias!!! Não deixem nunca de vaciná-los por peninha, por que eles só vão sentir uma picadinha agora e depois terão saúde para dar e vender!!! Tem coisa melhor que ver nossos filhotes crescendo com saúde?? Não né?!!!

Bjinho e até logo :)

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Cupcake de cenoura

Uma receita super fácil e rápida para fazer de lanche para as crianças são cupcakes de cenoura e eles adoram. Fiz para o Conrado e foi super aprovado!!

A receita é a mesma do bolo de cenoura, vou passar para vocês.

Ingredientes:
2 cenouras
4 ovos
1 pitada de sal
3/4 xícara de óleo
2 xícaras de farinha de trigo
1 1/2 xícara de açúcar
1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de preparo:
Bater os 4 primeiros ingredientes no liquidificador (cenoura, ovos, sal e óleo)
À parte, peneire farinha, o açúcar e o fermento.
Aos poucos despeje o líquido do liquidificador, mexendo à mão e devagar até misturar bem.
Asse em forminhas individuais de cupcakes.

Para uma versão ainda mais saudável você pode misturar farinha integral junto, a medida dai é 1/2 xícara de farinha integral e 1 e 1/2 de farinha de trigo.

Bom apetite :)